OFICINA DE CORTE E COSTURA COM LONAS PARA MULHERES DE BAIXA RENDA DA ZONA RURAL

A instrutora Maria Divina contratada pela Potiguar presta toda a assistência às participantes durante os dias de curso prático e gratuito.

A Associação dos Moradores do Sítio Conceição localizada na Vila Maranhão (BR 135 / Km 15) será palco nos dias 19 e 20 de dezembro, das 14H às 17H, do projeto especial que reúne sustentabilidade, reciclagem e empoderamento feminino promovido pelo Grupo Potiguar: A Oficina de Costura & Reciclagem de Lonas. Um projeto que serve de exemplo para a iniciativa privada, pois abraça duas causas importantes – a do empoderamento feminino através da capacitação para o trabalho e o respeito ao meio ambiente com o fomento à reciclagem.

Trata-se de um mini curso de corte e costura ofertado gratuitamente para mulheres de baixa renda em comunidades de vulnerabilidade social da cidade. Além de oferecer o treinamento sem custo para que as mulheres aprendam uma nova habilidade – a costura – o projeto produz materiais diversos confeccionados com plásticos (lonas) que são doados às participantes pela Potiguar, tais como bolsas, mochilas e aventais. Muitas inclusive poderão confeccionar com as mãos os presentes de Natal de amigos e familiares nessa oficina.

Mulheres de áreas de vulnerabilidade social e a maioria sem escolaridade podem inseridas na sociedade e na economia através dessa capacitação.

As mulheres que participam dessas Oficinas aprendem a confeccionar diversos materiais feitos com lonas de propaganda que o Grupo Potiguar antes descartava e que com o projeto ganham um novo e nobre destino: Servir de matéria prima para a aprendizagem de mulheres que sonham em ter trabalho e renda; à partir de uma capacitação como essa.

Nessa Oficina realizada na comunidade o curso é ministrado pela artesã Maria Divina, parceira da Potiguar desde o ano de 2017. E o saldo é mais que positivo: Mulheres animadas com a nova habilidade aprendida, e muitas delas já sonhando em continuar produzindo bolsas e mochilas com lonas, para ganhar uma renda extra para a família.

Ao final do curso, as mulheres produzem sacolas, mochilas, ecobags, aventais, estojos entre outros tipos de materiais que as mesmas podem vender ou presentear.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *